Revelado rosto de mulher escondido em quadro de Degas

Edgard Degas e David Thurrowgoog

Já era sabido que o quadro Retrato de Mulher, pintado na década de 1870 pelo impressionista francês Edgar Degas, escondia outro rosto de mulher. Por isso, cientistas do Synchrotron australiano usaram uma fonte de radiação e uma nova técnica não invasiva de fluorescência de raios-X, para desvendar o mistério. Em consequência, eles encontraram sob a imagem da senhora de preto, a pintura de um jovem orientada de forma visível e reversa. Desde estão, eles dizem se tratar de Emma Dobigny, amante e modelo favorita do pintor, conhecido principalmente por representar cenas do quotidiano e a figura feminina nas suas obras. Mas, além dos novos dados fornecidos sobre o trabalho de Degas, os cientistas também apostam que as novas técnicas utilizadas terão um impacto significativo em futuros estudos de conservação do patrimônio cultural mundial.

Revista Leituras da História Ed. 96